Quem sou eu

Minha foto
Psicóloga, escritora,Instrutora de Treinamentos Empresariais e palestrante. Autora dos livros "Ora Direis Ouvir Asneiras" - Editora Papel Virtual; "Exorcize Sua Alma Gorda" - Matrix Editora, publicado no México pela editora Grijalbo - "Exorciza Tu Alma Gorda"; "Clube das Asneiras"; - Matrix Editora; "Cientistas Malucos - Matrix Editora e participação no livro Humor Vermelho 2 - Editora Vermelho Marinho. Facebook: Andréa Cordoniz-Oficina Empresarial
Ocorreu um erro neste gadget

Minha lista de blogs

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Passando para convidar todos para CURTIREM a página do Alma Gorda no Facebook. É só CLICAR AQUI.

3 comentários:

An@ disse...

Não tenho facebook!!
Mas saiba que adoro seu blog!
Bjãooo

Andréa Cordoniz disse...

Obrigada, Ana!!
Já sou sua seguidora também!
Muitos beijos e volte sempre!

Lilith disse...

To começando um blog par ver se perco os 23 kilos que ganhei nos ultimos 6 meses depois que parei de fumar e tomar bolas para emagrecer.


Nada do que ja tentei esta me ajudando a perder peso. Pelo contrario, só ganho.

Gostaria de me apresentar, para receber visitas e conhecer pessoas que também desejam emagrecer, para ter apoio e uma motivação.

Meu blog:"FIZ DA JACA MINHA PANTUFA"

Seria um prazer ver alguem além de mim por lá!kkkk
É que mesmo estando imensa e ocupando um big espaço, ainda assim o Blog é grande demais pra mim.!!!

Bj imenso

Seguidores

Como sei que você deve estar curioso se sou gorda ou magra, lá vai: já fui muito magra, tipo modelo-manequim (44 quilos distribuídos em 1,63 de altura). Depois passei a engordar (segundo as mulheres) e a me desenvolver (segundo os homens), até ficar gostosa (para os homens) e gorda (para as mulheres). Considerando minhas preferências sexuais, acreditei na opinião deles e acho que me empolguei, então fiquei gostosa demais, se é que vocês me entendem - 64 quilos distribuídos nos mesmos 1,63metros.Hoje, 14 quilos mais magra do que no período de gostosura em excesso, estou quase feliz com meu peso. Claro que se emagrecesse 2 ou 3 quilos, estaria infinitamente mais feliz, mas a vida em geral é assim: estamos a uns dois quilos da felicidade plena - no mínimo. Pois aqui vai um pouco do meu know-how sobre esse , digamos, intrigante mundo da eterna busca do peso ideal que nos faz fazer dietas, tomar remédios, engordar, emagrecer, sentir fome, culpa, desespero, alegria, tentar e errar, acertar,etcétera e tal, até concluir que o único jeito é emagrecer a alma.